Como vencer a crise em 5 passos

fevereiro 27, 2017 8:00 am Publicado por Deixe um comentário

Vencer a crise é um dos objetivos de muitas empresas brasileiras que têm sofrido com as turbulências econômicas pelas quais o país vem passando. O cenário desfavorável no mercado tem atingido tanto grandes quanto médias e pequenas organizações, tornando a vida dos gestores mais complicada na busca por resultados.

Todavia, existem alguns passos que podem ajudar a vencer a crise e até contribuir para o crescimento do negócio em tempos difíceis. Quer saber quais são? Então continue lendo e descubra cinco atitudes importantes!

1. Reduza as despesas e custos

Para melhorar o desempenho organizacional geralmente há dois caminhos: aumentar receitas ou reduzir gastos. Em épocas de crise, quando o consumo diminui, a solução acaba sendo a segunda opção. Para colocá-la em prática, alguns procedimentos podem ser adotados:

  • renegociar pagamentos e prazos de contas junto aos fornecedores. Nesse caso, é importante dar prioridade, sempre que possível, à quitação de obrigações antes de seus vencimentos, evitando juros, taxas e multas que oneram a empresa;
  • diminuir gastos supérfluos com materiais;
  • comprar matéria-prima e até mesmo itens de escritório no atacado para obter melhores preços;
  • evitar empréstimos para não endividar a empresa e ter de arcar com altos juros;
  • implantar projetos que ajudem a diminuir desperdícios de energia elétrica, água e outros recursos, além de reduzir o custo com plano de internet. Por exemplo, os programas 5S e 8S de qualidade total;
  • diminuir horas extras dos funcionários, pois costumam impactar na folha de pagamentos. Isso também colabora na redução de gastos, pois equipamentos corporativos serão usados por menos tempo, economizando energia.

2. Invista em planos corporativos mais econômicos

Uma das formas de economizar que merecem destaque é trocar seu plano de telefonia empresarial por um mais vantajoso e econômico ou adotar um, no caso de os telefones da empresa possuírem planos para pessoas físicas.

Hoje em dia, a comunicação nas organizações é um dos itens que mais requerem recursos financeiros, por isso é vital controlar os gastos nessa área, mas sem se descuidar da qualidade. Nesse caso, existem planos corporativos que costumam trazer benefícios financeiros (com maior economia) e de ganho de desempenho, inclusive com a adoção de pacotes de dados conforme as necessidades dos negócios. Como exemplo temos os planos empresariais da Tim.

3. Fomente uma atmosfera positiva e aproxime-se dos colaboradores

Quando a crise se prolonga, é comum que os funcionários sintam seus empregos ameaçados. Isso gera uma atmosfera negativa e tensa, podendo surgir atritos mais facilmente entre colegas, o que possivelmente trará consequências negativas para o empreendimento, prejudicando seu desempenho.

Portanto, é vital fomentar um ambiente positivo, procurando unir, engajar e motivar os seus colaboradores em busca de objetivos e metas organizacionais que ajudem a superar esse momento.

Para conseguir isso, é indicado que o gestor busque se integrar mais às equipes e esteja mais presente junto aos funcionários. É preciso sair de trás da mesa para passar um bom exemplo e ajudar a motivar os demais.

4. Amplie investimentos em divulgação

Quando as vendas caem por conta da crise, é preciso investir em divulgação para atrair novos clientes. Para isso, não se fazem necessárias altas somas de dinheiro porque, com a expansão da internet e dos dispositivos móveis, apareceu o marketing digital, o qual é mais econômico que o tradicional.

Dentro dele surgiram variações, como o Inbound Marketing, que visa atrair consumidores por meio de conteúdos de qualidade e relevantes em sites, blogs, redes sociais e e-commerces empresariais. Ele permite aproveitar a internet e suas potencialidades de diferentes formas, podendo até mesmo ajudar a engajar e fidelizar clientes com a marca.

5. Fortaleça os laços com os clientes atuais

Aliás, fidelizar clientes em momentos difíceis é fundamental para mantê-los comprando da empresa. Para isso, melhore a comunicação com o cliente, forneça descontos especiais para consumidores que mais compram, otimize o atendimento (personalizando-o para cada grupo de clientes) e cuide do pós-venda.

Seguindo esses passos, as chances de a empresa passar pelas turbulências econômicas do mercado se ampliam, além de melhorar o trabalho interno e prospectar novos clientes.

Ficou com alguma dúvida sobre como vencer a crise com esses passos? Compartilhe conosco nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *